Blog

Fique por dentro de conteúdos e artigos interessantes acessando nosso blog.

2020 será um ano de ver mais além! Veja como aqui

Bom, o ano realmente já começou! Temos certeza que você deve ter separado alguns minutinhos antes da virada para planejar ou sonhar com os próximos meses. Esperamos que, dentre seus itens na lista de objetivos, “enxergar bem” e “manter os olhos saudáveis” sejam prioridades.

Infelizmente, segundo o Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) e a Agency for Prevention of Blindness (IAPB), existem cerca de 253 milhões de pessoas no mundo cegas ou com baixa visão. A pior parte é que muitos desses casos isso poderia ser evitado com ações preventivas efetivas e acompanhamento médico durante o tratamento.
Por isso, para fugir dessa estatística, nós separamos algumas dicas simples – mas que fazem toda a diferença – para você manter o funcionamento correto dos olhos:

– Piscar mais vezes: quando não piscamos corretamente, os olhos tendem a ressecar e sofrer com a falta de lubrificação. Isso aumenta as chances de irritação, coceira, alergias oculares e expõe os olhos a infecções, já que as lágrimas têm um considerável potencial de defesa.

– Parar de fumar: este hábito não é legal. Para se ter uma ideia, a fumaça do cigarro está ligada à queda das pálpebras, aumento dos sintomas de olho seco e alergias oculares, diminuição da produção e qualidade das lágrimas e um risco maior de desenvolver glaucoma e catarata.

– Dosar o consumo de açúcar: o acúmulo de açúcar nos vasos sanguíneos é capaz de alterar diversas estruturas do globo ocular e causar, entre outros problemas, a retinopatia diabética, uma doença agressiva que pode levar à cegueira.

– Alimentar-se bem: invista em uma dieta balanceada, rica em peixes com ômega 3 (atum, salmão e sardinha) e vitaminas A, B, D e E (cenoura, tomate, couve, mamão, espinafre, caju, entre outras frutas, verduras e legumes de cor laranja, verde-escuro e amarelo). Esses nutrientes fortalecem os olhos e previnem, dentre outras doenças, a degeneração macular relacionada à idade.

– Não coçar os olhos: esse hábito instintivo pode até parecer inofensivo, entretanto é capaz de provocar lesões nas estruturas oculares, especialmente a córnea, além de aumentar os riscos de infecção e alergias por bactérias e demais impurezas. Sentir coceira em excesso pode ser um sinal de que há algo de errado com os olhos. Consulte um oftalmologista.

– Tomar cuidado no uso de maquiagens: não durma sem remover a maquiagem dos olhos e região periocular, pois esses produtos podem irritar essa área e trazer complicações. Se possível, adote produtos antialérgicos e sem conservantes.

– Praticar atividades físicas: além de beneficiar o corpo de maneira geral, os exercícios físicos regulares e com moderação são importantes para melhorar a circulação sanguínea, transporte de oxigênio e nutrição das estruturas oculares, mantendo a visão saudável e prevenindo doenças.

– Tomar cuidado com as lentes de cuidado: esses acessórios demandam muita disciplina e higiene para não agredir os olhos e ajudar na recuperação da visão nítida. Dessa forma, lave bem as mãos com água e sabão antes de manuseá-las e higienize-as com os produtos recomendados pelo fabricante. Além disso, fique atento(a) ao prazo de validade e respeite as orientações do oftalmologista.

Por último, mas não menos importante, você deve se consultar frequentemente com um oftalmologista. O check up oftalmológico deve ser, no mínimo, anual, pois é capaz de analisar as condições visuais e identificar possíveis doenças quando ainda não aparecem os sintomas. E aí? Ano novo, vida nova? Que tal, olhos saudáveis também?


IOSG | Há 40 anos trazendo mais detalhes em sua vida!

Fonte:
Conselho Brasileiro de Oftalmologia, CBO, Revista Veja Bem, “Simples Ações que Previnem Problemas Oculares”. Disponível em:
http://www.cbo.net.br/novo/publicacoes/vejabem_04.pdf

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *